You’re out of touch, I’m out of time…

3 doses de whisky, uma canção no repeat, algumas lembranças de algumas pessoas e umas poucas lágrimas. É isso que tenho pra essa noite. Amanhã, nessa mesma hora, estarei cruzando o oceano e deixando tudo isso pra trás.

Depois de dias e dias sem beber nada, algumas doses da minha Shiva preferida podem ter potencializado desejos. No breu, consigo ver Winehouse de um lado e Monroe de outro. 2 mulheres sofridas, e eu no meio. Sorrio, sem bem saber por quê…

A canção recomeça. Tento me masturbar. Não tenho tesão por nada.

Anúncios

Sobre A Pele Que Habito

Desconfio que é a maneira com que eu me olho que me dá essa dor. É inevitável enfrentar o espelho. Aí eu tenho um olhar específico pra me enxergar. Acho que todo mundo tem. O meu é fixo, intenso, levemente estrábico... Ver todos os artigos de A Pele Que Habito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: